Liturgia Diária

3ª Semana do Tempo Comum | Segunda-feira

Primeira Leitura: 2 Samuel 5,1-7.10

Leitura do segundo livro de Samuel – Naqueles dias, 1todas as tribos de Israel vieram encontrar-se com Davi em Hebron e disseram-lhe: “Aqui estamos. Somos teus ossos e tua carne. 2Tempo atrás, quando Saul era nosso rei, eras tu que dirigias os negócios de Israel. E o Senhor te disse: ‘Tu apascentarás o meu povo Israel e serás o seu chefe’”. 3Vieram, pois, todos os anciãos de Israel até o rei em Hebron. O rei Davi fez com eles uma aliança em Hebron, na presença do Senhor, e eles o ungiram rei de Israel. 4Davi tinha trinta anos quando começou a reinar e reinou quarenta anos: 5sete anos e seis meses sobre Judá, em Hebron, e trinta e três anos em Jerusalém, sobre todo Israel e Judá. 6Davi marchou então com seus homens para Jerusalém, contra os jebuseus que habitavam aquela terra. Estes disseram a Davi: “Não entrarás aqui, pois serás repelido por cegos e coxos”. Com isso queriam dizer que Davi não conseguiria entrar lá. 7Davi, porém, tomou a fortaleza de Sião, que é a cidade de Davi. 10Davi ia crescendo em poder, e o Senhor, Deus todo-poderoso, estava com ele.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Terço Dourado - Salvai-me, Rainha de Fátima!

Salmo Responsorial: 88(89)

Minha verdade e meu amor estarão sempre com ele.

1. Outrora vós falastes em visões a vossos santos: † “Coloquei uma coroa na cabeça de um herói / e do meio deste povo escolhi o meu eleito. – R.

2. Encontrei e escolhi a Davi, meu servidor, / e o ungi, para ser rei, com meu óleo consagrado. / Estará sempre com ele minha mão onipotente, / e meu braço poderoso há de ser a sua força. – R.

3. Minha verdade e meu amor estarão sempre com ele, / sua força e seu poder, por meu nome, crescerão. / Eu farei que ele estenda sua mão por sobre os mares, / e a sua mão direita estenderei por sobre os rios”. – R.

Evangelho: Marcos 3,22-30

Aleluia, aleluia, aleluia.

Jesus Cristo salvador destruiu o mal e a morte; / fez brilhar pelo Evangelho a luz e a vida imperecíveis (2Tm 1,10). – R.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos – Naquele tempo, 22os mestres da Lei, que tinham vindo de Jerusalém, diziam que ele estava possuído por Belzebu e que pelo príncipe dos demônios ele expulsava os demônios. 23Então Jesus os chamou e falou-lhes em parábolas: “Como é que satanás pode expulsar a satanás? 24Se um reino se divide contra si mesmo, ele não poderá manter-se. 25Se uma família se divide contra si mesma, ela não poderá manter-se. 26Assim, se satanás se levanta contra si mesmo e se divide, não poderá sobreviver, mas será destruído. 27Ninguém pode entrar na casa de um homem forte para roubar seus bens sem antes o amarrar. Só depois poderá saquear sua casa. 28Em verdade vos digo, tudo será perdoado aos homens, tanto os pecados como qualquer blasfêmia que tiverem dito. 29Mas quem blasfemar contra o Espírito Santo nunca será perdoado; será culpado de um pecado eterno”. 30Jesus falou isso porque diziam: “Ele está possuído por um espírito mau”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Deixe suas Intenções nas Santas Missas

Preencha o formulário abaixo, para que suas intenções sejam colocadas em oração nas Santas Missas.

Nome:
Email:
Telefone:
Intenções:

Importância da leitura e meditação da Liturgia Diária

Primeiramente, somos convidados todos os dias a amar, degustar, refletir, meditar, aprofundar e viver as palavras do Senhor, gerando salvação a nós mesmos e aos outros.

Depois, não nos esqueçamos que assim como precisamos do alimento de forma regular para o sustento do nosso corpo, a meditação da Liturgia Diária é alimento e sustento para a nossa alma, como nos descreve o próprio Jesus no Evangelho de São Mateus: “Não só de pão vive o homem mas de toda palavra que sai da boca de Deus” (Mt 4, 4).

Portanto, para que a nossa vida possa refletir a vida de Cristo e sua resposta de amor ao Pai devemos beber da fonte, que é Ele mesmo, nos encher de suas palavras e ensinamentos e encontrar Nele direção e discernimento corretos para cada passo de nossa história.

Através de alguns pontos vamos aprofundar sobre os benefícios adquiridos através do bom hábito da leitura das escrituras para o nosso caminho de intimidade com o Senhor.

Como viver de forma prática a Liturgia Diária?

Este é um método de leitura orante da Palavra de Deus, da Liturgia Diária, praticado e ensinado pelos Padres da Igreja desde os seus primeiros séculos. Foi batizada com esse nome por Orígenes no séc. III, e generalizou-se nos séculos IV e V como maneira predominante de ler a bíblia.

Esta pode ser feita diariamente, por exemplo, meditando o Evangelho proposto pela liturgia diária da Santa Missa.

Após suplicar a luz do Espírito Santo, o método se desenvolve em 4 passos:

  • Leitura: o que a Palavra diz em si;
  • Meditação: o que a Palavra diz para mim; o que ela me ensina, me revela, como ela me forma, como a vejo em minha vida;
  • Oração: o que a Palavra me leva a dizer para Deus;
  • Contemplação: o que devo mudar concretamente em minha vida, que postura devo tomar; o que me proponho a viver naquele dia e durante a minha vida.

Agora, o fruto dessa nova dinâmica de vida ao ritmo da Palavra é uma transformação real e concreta que nos elevará em fé, esperança e caridade, além disso, nos proporcionará uma vida junto de Deus mais constante e digna de Seu amor.

Por último, convido a que nos empenhemos neste caminho. Com a Sua graça já provaremos aqui nesta terra das riquezas do céu!

Siga-nos!

Se ainda não nos segue no Facebook ou no Instagram clique para nos seguir.

Se deseja baixar nosso App Salve Maria! clique aqui e tenha a Liturgia Diária, o Rosário, o Santo de cada dia e muito mais na palma de sua mão.